Feliz 2012

Feliz 2012

03 dezembro 2009

Poema...

Habito dentro de mim
Que dentro de mim - vou estando
Fora de mim vai o mundo
Eu, quieta - ele girando
É dentro de mim que guardo
O que vejo
O que sinto
O que faço
O que pressinto
O que me doe - ou me encanta
O que entendo e me acalenta
E, o que não sei entender...
Tudo sorvo e absorvo
nesta ansiedade de ser...
E, às vezes sobro de mim
mas me recolho e contenho
e me aconchego no sonho...
Porque de mim o que sei
É que um dia partirei
incapaz de me habitar...
E, será já fora de mim
que então descobrirei
se fui quem devera ser
ou se jamais o serei...
.
Maria José Rijo

1 comentário:

Helena Teixeira disse...

Olá Maria José!
Que poema tão bonito.Pergunto onde irá a senhora da foto e o que estará ela pensando? :)


Aproveito e deixo um convite: participe na Blogagem de Dezembro do blogue www.aldeiadaminhavida.blogspot.com
“O tema é: O Natal na minha Terra”
Basta enviar um texto máximo 25 linhas e 1 foto para aminhaldeia@sapo.pt até dia 8 de Dezembro. Participe. Haverá boa convivência e uma campanha de solidariedade!

Jocas gordas
Lena